El Chaltén, a capital do trekking

20140602_141629 Esta pequena cidade, ou melhor, este pequeno povoado de cerca 1,5km de distancia, se encontra rodeada por montanhas e rios. El Chaltén é conhecida como capital do trekking por ter como ponto forte turistico os tantos caminhos acessiveis para caminhar e escalar. Alem disso, vive “sob constante vigilancia” da mítica montanha Fitz Roz, ou localmente conhecida como El Chaltén.

Cheguei aqui vindo de El Calafate, a cerca de 300km. Vim caroneando (como venho fazendo desde Bariloche) e cheguei aqui com relativa facilidade: acho que por ser tao deserto e de dificil acesso, um carro que passa e ve um cara pedindo carona pensa que é melhor levantar esse pobre coitado porque senao é capaz de ninguem passar por aqui. Fato é que há 3 noites estou hospedado em um hostel bastate barato (50 pesos), comparando outras cidades e também outros hostels que aqui se encontram. Impressionante é realmente como a cidade esta preparada para receber o viajeiro disposto a caminhar, com mapas e caminhos pelas montanhas todos devidamente sinalizados. Claro que isso nao impede do cidadao andar atento…

Ontem passei o dia todo caminhando. E hoje também.

“Ah…o dia caminhando…até parece” Bicho, é porque foi o dia todo mesmo! Hoje sai às 8h da manha, ainda escuro, acompanhando de um casal alemao que conheci no hostel. Voltamos agora, às 18h, depois de chegar o mais perto possível do Fitz Roy. Ontem foi a vez de subir até o lago Torre, de onde se pode apreciar a Montanha Torre. Paisagem incrivel esta que encontrei por aqui. E ousaria dizer que é um dos destinos mais lindos que visitei nessa trip. (E olhe que faz tempo que parei de comparar viu…) Mochila nas costas, comida e agua no bolso (ou nao) e vamo simbora caminhar!

Um outro lindo detalhe veio do céu: há dois dias caiu uma nevasca e a cidade toda ficou branca. Os caminhos e paisagens, normalmente verdes e quentes na primavera, ficaram ainda mais espetaculares com a neve. Bastante frio também, mas quem se importa!

Aí seguem algumas imagens (se a internet permitir), mas como sempre, nada se compara à experiencia viva, nao é mesmo?

Um abraco caloroso

El Chaltén, 02/06/2014

Responder

Por favor, inicia sesión con uno de estos métodos para publicar tu comentario:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s